Make your own free website on Tripod.com

DELTA DO PARNAIBA, JERICOACOARA, LENÇÓIS MARANHENSES,SERRA DA CAPIVARA ROTA DAS EMOÇÕES

PARNAIBA-PI
Home | LITORAL DO PIAUÍ | DELTA DO PARNAÍBA | PARNAIBA-PI | SETE CIDADES | JERICOACOARA | LENCOIS MARANHENSES | Contato: Jericoacoara Delta do Parnaiba Lençóis Maranhenses

User-agent: *
Disallow:

CONHEÇA PARNAÍBA CAPITAL DO ÚNICO DELTA DAS AMÉRICAS

SERRA DA CAPIVARA, DELTA DO RIO PARNAÍBA,JERICOACOARA,LENÇÓIS MARANHENSES, SETE CIDADES.***** LIGUE JÁ: (86) 3321-1969 OU 9412-0102

INFORMAÇÕES CADASTRO E RESERVAS CLIQUE AQUI

VEJA VÍDEO DO DELTA DO PARNAIBA

CLICK AQUI VISTA AÉREA DE PARNAIBA

PARNAIBA CAPITAL DO DELTA DO RIO PARNAIBA

LOCALIZAÇÃO
Parnaiba Portal de entrada do Delta do Rio Parnaíba, localiza-se no extremo norte do Piauí,
com 66 Km de Litorral.

CLIMA E TEMPERATURA
Clima Tropical semi-árido, quente com temperatura máxima de 32º C, mínimo 20º C e médio 26º C.

COMO CHEGAR
DE CARRO - O acesso por Teresina é feito pela BR - 343, Rota: Campo Maior, Piripiri, Piracuruca, Burití dos Lopes e Parnaiba. O acesso por Fortaleza pode ser feito pelo entrocamento da BR-222 com a BR-343.
DE AVIÃO - de Fortaleza ou de São Luiz aos domingos pela Nordeste Linhas Aéreas. segunda, quarta e sexta pela empresa correta.

VOLTAGEM - 220 volts em toda cidade.

NÃO VOLTE SEM
Assistir o pôr do sol na praia de Pedra do Sal, visitar o terminal Turístico Porto das Barcas, banhar na Lagoa do Portinho e conhecer o Delta do Rio Parnaiba.


PARNAÍBA

A cidade de Parnaíba está localizada na região norte do Piauí, constituindo-se grande parte do seu município em uma planície aluvial formada pelo delta do rio Parnaíba, que abriga exóticas lagoas, dunas e cerca de setenta ilhas e ilhotas, formando-se aos nossos olhos uma gostosa explorável maravilha da natureza. A maior de todas as ilhas do delta é a ilha Grande de Santa Isabel, próxima ao centro da cidade,onde encontra a praia da Pedra do Sal. Onde as rochas de confrontam com o mar,existem duas coroas: uma de calmaria, aproveitada pelos pescadores, e outra de ondas fortes, mais utilizada para a prática do esporte aquático.

As ruas da cidade são largas e arborizadas e o seu clima quente é amenizado pela brisa que sopra o ano inteiro. Os casarões coloniais do século XVIII, bem conservados, são monumentos graciosos da época áurea da antiga Vila de São João da Parnaíba. O Casarão de maior valor histórico é conhecido como Casa Grande da Parnaíba e pertenceu ao fundador da cidade, Simplício Dias. Fica na avenida Presidente Vargas e, segundo os mais antigos, possui uma ligação subterrânea com a igreja de Nossa Senhora das Graças.

A Catedral de Nossa Senhora das Graças, foi construída por Simplício Dias, originalmente em estilo barroco, no ano de 1770. Após reforma feita em 1936, perdeu parte de suas características. Ainda na Praça da Graça está situada a Igreja do Rosário, também do século XVIII, construída para que os escravos fizessem os seus cultos sem adentrar á igreja principal. Num pequeno e aconchegante jardim municipal, próximo á rua Pedro II, encontra-se o cajueiro plantado pelo imortal poeta Humberto de Campos, no quintal da residência onde viveu, em Parnaíba, por volta do século XVIII. Ali está à mostra em placas de metal, o melhor de suas obras. Outro interessante atrativo é o monumento ao Centenário, um obelisco inaugurado em 1844, na Praça de Santo Antônio,em comemoração ao primeiro centenário da cidade.




PORTO DAS BARCAS



A Origem da Cidade de Parnaíba está diretamente ligada à localidade do Porto das Barcas. Situado às Margens do Rio Igaraçu, braço do Rio Parnaíba, o Porto fica à direita da ponte que liga a cidade à Ilha Grande de Santa Isabel.

A Região, inicialmente habitada por Silvícolas, foi desbravada por volta de 1669 por Leonardo de Sá e seus companheiros, que em virtude do feito ganharam uma sesmaria de terra nas margens daquele rio.

Em 1758, passou a funcionar no local uma Charqueada de propriedade do português Domingos Dias da Silva que, com seus companheiros, Iniciou na região as atividades agrícolas e comercial. Através dos navios de sua propriedade, faziam o comércio de importação e exportação com outros estados do Brasil e com países da Europa, notadamente, Portugal e Espanha.

O negócio comercial expandiu-se rapidamente e o local das Charqueada passou a ser denominado Porto das Barcas, que oferecia melhores condições para o assentamento da nova vila. A localidade do Porto Das Barcas, devido à grande movimentação de embarcações.

Em 1761 foi criado o município denominado Vila de São João da Parnaíba, posteriormente transferido do lugar Testa Branca, primeira sede, para o Porto das Barcas, que oferecia melhores condições para o assentamento da nova Vila. Porto da Barcas marco da fundação da cidade, continuou a desempenhar papel preponderante na economia da região, quando então foram construídos imensos armazéns utilizados para estocagem de mercadorias importadas e para exportação, destacando-se as transações comerciais com Portugal, Espanha, Inglaterra E Alemanha. Por volta de 1940, com a queda dos preços da cera de carnaúba e do babaçu no mercado internacional, começou a decadência da supremacia do mercado externo, posteriormente o mercado atingido de forma brutal, pelo advento das rodovias. O fato levou a cidade de Parnaíba a posição de isolamento, devido ao enfraquecimento da navegabilidade do rio Parnaíba. Atualmente, Parnaíba constitui-se centro coletor de produtos extrativos vegetais, havendo em sua área modernas indústrias de transformação com crescente atividade comercial e excelente oportunidades para exploração de potenciais latentes, desde o setor primário até a atividade turística, por situa-se em região tropical, que abriga um dos três únicos Deltas do mundo em mar aberto, além de oferecer aos visitantes uma natureza exuberante. A restauração do Porto das Barcas contribuiu para fazer reviver aos bons tempos de sua movimentação. Onde antigamente estava a base da economia da cidade, hoje se respira cultura e preservação, ao mesmo tempo em que se pode dispor de excelente área de lazer e destinação turística.

PARNAÍBA

LENÇÓIS MARANHENSES,DELTA DO RIO PARNAÍBA,JERICOACOARA,ILHA DO CAJU,SERRA DA CAPIVARA,SETE CIDADES.